A Secretaria Municipal de Educação se reúne com representantes do Instituto Federal do Ceará (IFCE) e coordenadores da Universidade Aberta do Brasil (UAB).

0
27

Na manhã desta quarta-feira, dia 11 de maio, representantes do Instituto Federal do Ceará (IFCE) e da Secretaria Municipal de Educação se reuniram no polo Imersão Nota 10, para discutir a abertura de 110 (cento e dez) vagas em cursos de Licenciatura em Matemática e especialização em Docência para a Educação Profissional Tecnológica. O processo seletivo contemplará os professores do município de Caucaia. Os cursos ocorrerão por meio do Sistema UAB, programa que leva a universidade pública pela modalidade educação à distância (EaD), para diversas cidades brasileiras.

Na ocasião, a coordenadora geral da UAB do IFCE, Gláudia Mapurunga, informou que serão disponibilizadas 80 (oitenta) vagas para a graduação em Licenciatura em Matemática. A prioridade de seleção será para os professores da rede que ainda não possuem essa habilitação, com metade das vagas destinadas para esse público específico. Esse curso será implementado nos polos de Caucaia em dois períodos: 40 (quarenta) vagas em janeiro de 2023 e mais 40 (quarenta) em agosto de 2024.

Para além da graduação em Matemática, o curso de especialização em Docência para a Educação Profissional Tecnológica será ofertado no polo UAB do Pabussu já em agosto de 2022. Serão ofertadas 30 vagas que também atenderão a professores da rede pública e demais interessados.

Régis Azevedo, coordenador Adjunto da UAB IFCE, destaca a importância do município de Caucaia trabalhar em parceria com o IFCE na ampliação e solicitação de novas turmas, na manutenção e assistência ao polo e na disponibilização de equipamentos de apoio aos estudantes dos cursos ofertados.

A representante do IFCE, Gláudia Mapurunga, aborda que “é importante para a movimentação do polo e diminuição da evasão um laboratório de inovação tecnológica, além de espaços adequados que estejam em pleno funcionamento Com isso, promover encontros científicos, workshops, palestras entre outras ações.”

A coordenadora do polo da UAB – Araturi, Márcia Reis, explana que essas ações “possuem inclusive previsão de financiamento pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), fundação do Ministério da Educação (MEC), para o custeio desses movimentos estudantis”.

A visita do IFCE reitera a importância de desenvolver ações voltadas à educação em todos os níveis, inclusive na Educação Superior, pois a formação de professores repercute diretamente na qualidade da educação básica do município.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui