Escola Comunitária Araturi desenvolve projeto e realiza uma visita ao lar de idosos Três Irmãs.

0
1166

O Núcleo de Educação e Desenvolvimento Infantil (NEDI) Comunitária Araturi, instituição anexa a unidade escolar Monsenhor André Viana Camurça, desenvolveu o Projeto “Meus avós são demais!”. Ele resultou na visita das crianças ao lar de idosos Três Irmãs, localizado no bairro Garrote. O contexto para a realização das atividades surgiu a partir dos inúmeros avôs e avós que cuidam dos meninos e meninas matriculados no NEDI.

A comunidade escolar tem um perfil de participação intensa nas propostas projetadas e nos projetos desenvolvidos na unidade educacional. O perfil socioeconômico de pais e mães, em sua maioria, configuram a participação deles no mercado de trabalho. Esse fenômeno social impulsiona a grande quantidade de avôs e avós que desenvolvem essa incumbência de cuidar e educar os netos. Com o intuito de entender como essas relações se estabelecem, surge a necessidade de conhecer melhor o fenômeno e aprofundar os vínculos afetivos com esses atores familiares.

Dentre as atividades, os familiares (especialmente os avôs e avós) participaram de reuniões para discutir as pautas inerentes a melhor idade. Entre essas temáticas foram abordados assuntos como: Direitos dos idosos, suas necessidades, expectativas, trajetória de vida e desejos de cada um deles. Além disso, foi realizado um piquenique com os avós no espaço verde da instituição.

Durante o desenvolvimento do projeto houve a arrecadação de alimentos, fraldas descartáveis, material de higiene pessoal para serem doados a uma instituição que abriga idosos. Para a entrega dos donativos,o núcleo gestor, as professoras e as crianças se deslocaram ao lar de idosos Três Irmãs.

Para a coordenadora Margarida Morais “os valores humanos puderam ser vivenciados pelas crianças a partir do cuidar de si e do outro. A ação ocasionou a participação das famílias na ação comunitária com os idosos que não têm esse vínculo familiar. É o despertar nos pequenos e nas famílias o valor do cuidado com os idosos, um trabalho que vai além dos muros da escola.”

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui