Núcleo de Ações Estratégicas, Universidade Aberta do Brasil e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial discutem diretrizes para utilização dos espaços do Imersão Nota 10.

0
1533

O polo de educação continuada Imersão Nota 10 foi inaugurado em abril de 2022. Com isso, o espaço é utilizado pelas crianças das escolas públicas no contraturno escolar. O polo tem como objetivo a realização de ações complementares ao currículo escolar como: xadrez, dança, teatro, tênis de mesa, inovação tecnológica, letramento, alfabetização matemática, educação musical e socioambiental.


Para dar seguimento à política de educação continuada em 2023, na manhã desta sexta-feira (10), estiveram reunidos no polo o Diretor do Núcleo de Ações Estratégicas (NAE), Rafael Brunno; a coordenadora dos cursos ofertados pela Universidade Aberta do Brasil (UAB), Márcia Reis; a representante do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial SENAI/CE, Carolina Castelo Branco; a Diretora do Imersão Nota 10, Auxiliadora Silva, além de membros do Projeto SEMEAR e do NAE.


Assim, o objetivo da reunião foi avaliar o que já foi realizado nos espaços do Imersão e estruturar os próximos passos para a definição de como e quais modelos pedagógicos e de logística serão implementados para o ano de 2023.


A proposta reúne a continuidade das modalidades já existentes e as matrículas que serão realizadas para os novos estudantes. Além disso, o Imersão será destinado também para a oferta de cursos para a comunidade em parceria com o SENAI. Carolina explicou que está na coordenação de uma política pública, vinculada ao Ministério das Cidades. São cursos que necessitam ser executados no âmbito do Programa Minha casa, minha vida, do governo federal.


Dentre os eixos programados, inclui-se realizar capacitações para os moradores da comunidade do Araturi. Assim, o ingresso no mercado de trabalho e/ou abrir seu próprio negócio são os objetivos dos cursos ofertados aos moradores dos residenciais, em específico moradores do José Lino. Costura, hidráulica, elétrica são alguns exemplos dessa parceria.


Serão destinadas 60 vagas dos cursos do SENAI, exclusivamente para os pais dos estudantes que estão matriculados no Imersão. Para a Diretora do Imersão nota 10, “a oferta desses cursos trará o aprimoramento para o mundo do trabalho e dará aos participantes a oportunidade de se sentirem pertencentes aos espaços que os filhos utilizam no dia a dia.”


Foram discutidas ainda pautas como a seleção dos educadores, as turmas que serão matriculadas, a reestruturação das ofertas de cursos de graduação e pós-graduação da UAB e a reorganização física dos espaços. Para os demais encaminhamentos pedagógicos e de logística serão marcadas outras reuniões com setores da SME, como por exemplo, Planejamento, Recursos Humanos e Pedagógico.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui