Crianças participam da consulta pública aos parâmetros de qualidade e equidade da educação infantil.

0
966

A Coordenadoria da Educação Infantil (COEI), por intermédio do Núcleo de Currículo da Educação Infantil, realizou ontem(27) a Consulta Pública com crianças do Infantil V matriculadas na Instituição de Educação Infantil José Alderi Pedrosa Siqueira. Na ocasião, meninos e meninas puderam expressar e experienciar suas ideias acerca da mediação de vivências embasadas nas múltiplas linguagens e nos direitos naturais que possuem.

Os direitos naturais da criança nos remetem ao direito mais singular que uma criança possa vir a ter, como por exemplo: conectar-se com a natureza, brincar e explorar a terra, sentir as texturas diferentes das folhas, sujar suas mãos, correr com pés descalços atrás de uma bola, o direito de sentir o vento no rosto, sentir as gotinhas da chuva e até mesmo experimentar novos sabores e cheiros, ao se conectar com a natureza.

Crianças com faixa etária média de cinco anos foram ouvidas acerca dos aspectos que fazem parte dos Parâmetros de Qualidade da Educação Infantil. A escuta das opiniões delas demonstra o respeito por cada uma. Essa ação demonstra que o município tem desenvolvido diversas frentes de atuação pedagógica e social, as quais respeitam os direitos e garantias de todas essas crianças.

É no diálogo permanente com as famílias, professores, gestores e, principalmente com as crianças que a avaliação na oferta da educação pode ser conduzida para o aprimoramento contínuo das atividades voltadas à primeira infância. Assim, ao realizar ações que propõem a efetiva participação de todos os segmentos, a Secretaria de Educação inova, elevando não somente o quantitativo de acesso das crianças ao ambiente escolar, mas também garante a qualidade no atendimento e nas práticas específicas para os que estão entre 0 e 5 anos de idade.

Ressalta-se que essa ação foi pioneira no município.Pela primeira vez as crianças participaram formalmente da construção de um documento a nível municipal. Nessa perspectiva, enfatiza-se o protagonismo infantil e a relevância de dar vez e voz às crianças. Elas são ativas e constroem a sua cultura e o seu próprio conhecimento através da curiosidade, exploração e interação.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui