Superintendentes Escolares participam de formação com a Associação Bem Comum.

0
979

O Programa Educar Para Valer tem como propósito o assessoramento técnico e gratuito de municípios conveniados. A parceria apoia as cidades que objetivem melhorar a atuação na gestão educacional e pedagógica para garantir o ingresso, permanência e a excelência de aprendizagem das crianças nas escolas públicas. Assim, o programa atua em três eixos: formação de professores e gestores, política de acompanhamento em rede e avaliação educacional.

Ao todo, a Associação Bem Comum possui cerca de 77 membros e atende 17 estados no Brasil inteiro, implementando a política de alfabetização na idade certa. No Ceará, apenas as cidades de Fortaleza e Caucaia participam de atividades de incentivo à melhoria dos índices educacionais.

Com a parceria firmada, 40 técnicos a Secretaria Municipal de Educação participaram nos dias 6 e 7 de março, no auditório do Centro de Formação, na Tabuba, de atividades de planejamento das ações de acompanhamento das escolas do município. Essa formulação destaca o elo para que a política educacional de rede seja fortalecida no município de Caucaia e que haja ações coordenadas para aproximar as unidades escolares às propostas e políticas da SME.

Para Ronny de Freitas, coordenador de implementação do Programa Educar Para Valer, o trabalho com os Superintendentes Escolares, Diretoria de Ensino, Gestão Escolar, com a Coordenadoria de Etnias e com a Equipe da Educação Infantil da rede se desenvolve considerando que “Caucaia possui uma realidade diversa dos demais municípios cearenses, como a expansão territorial e cultural. A intencionalidade da parceria com a Associação Bem Comum é que esse trabalho da SME alcance todas as unidades escolares, independentemente de sua localização geográfica ou especificidades culturais”.

Também destaca a Coordenadora de Etnias da SME, Meire Maciel que “este momento com as etnias é importante para que possamos em rede fortalecer o processo de ensino aprendizagem no nosso município.”

Liliana Rodrigues, gerente do Programa MAIS PAIC salienta que “o estudo foi relevante para delinear e direcionar as ações no decorrer do ano letivo de 2023. São atividades que potencializam a equipe pedagógica e de superintendentes, tanto da SME quanto das escolas.”

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui